Jornal Vascular Brasileiro
https://jvascbras.org/article/5df131210e88255579b5f734
Jornal Vascular Brasileiro
Original Article

Avaliação do perfil lipídico na doença arterial periférica

Antônio Carlos Brandão, Daniel Maranho Trindade, Marcela Augusta Pinhel, Alexandre Maiera Anacleto, José Maria Pereira de Godoy, Moacir Fernandes de Godoy, José Ernesto dos Santos, Dorotéia Rossi Silva Souza

Downloads: 0
Views: 863

Resumo

Objetivo: Analisar o perfil lipídico na doença arterial periférica e
avaliar a influência desse fator, além da idade, na doença arterial periférica
obstrutiva ou aneurismática.
Método: Foram estudados 124 indivíduos, 62 pacientes com doença
arterial periférica aneurismática confirmada por angiografia e 62
controles. Foram dosados os níveis séricos de lipoproteína (a),
triglicérides, colesterol total e frações do colesterol de lipoproteínas de
baixa (LDLc), alta (HDLc) e muito baixa densidade (VLDLc).
Resultados: Detectaram-se valores desejáveis para níveis plasmáticos
de colesterol total, LDLc, VLDLc e triglicérides nos dois grupos.
Entretanto, pacientes com doença arterial periférica obstrutiva
(175,8 ± 36,1 mg/dl) e controles (169,7 ± 41,5 mg/dl) mostraram nível
médio de colesterol total significantemente aumentado em relação
à doença arterial periférica aneurismática (138,4 ± 28,9 mg/dl;
P = 0,001), o mesmo ocorrendo para LDLc. Os níveis médios de HDLc
apresentaram-se significantemente reduzidos nos pacientes com doença
arterial periférica obstrutiva (35,2 ± 15,3 mg/dl) e doença arterial
periférica aneurismática (33,1 ± 10,7 mg/dl) em relação aos controles
(41,5 ± 11,8 mg/dl; P = 0,010). Os níveis de lipoproteína (a) mostraram-
se elevados em todos os grupos. Houve associação de doença arterial
periférica obstrutiva, aumento nos níveis plasmáticos de LDLc,
triglicérides e lipoproteína (a) e redução de HDLc e idade. Em relação
à doença arterial periférica aneurismática, houve valores aumentados
de triglicérides, lipoproteína (a) e idade e redução nos níveis de HDLc
e LDLc.
Conclusão: Em conclusão, níveis reduzidos de HDLc apenas nos
pacientes portadores de doença arterial periférica confirmam seu efeito
protetor para a doença. Níveis elevados de LDLc e pouca idade são
associados à doença arterial periférica obstrutiva, enquanto que o aumento
da idade parece relacionar-se com a doença arterial periférica
aneurismática.

Palavras-chave

lipoproteína (a), aneurisma, aterosclerose.
Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular (SBACV)"> Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular (SBACV)">
5df131210e88255579b5f734 jvb Articles
Links & Downloads

J Vasc Bras

Share this page
Page Sections